Semana Mundial de Aleitamento Materno movimenta Unidades de Saúde do município

Em alusão à Semana Mundial de Aleitamento Materno, comemorada do dia 1 a 7 de agosto, a Prefeitura de Piraquara, por meio da Secretaria de Saúde, realiza diversas atividades nas unidades de saúde do município. As ações começaram na terça-feira (01) e continuarão até o dia 11 de agosto.  

Na terça-feira as atividades começaram na UBS Primavera. O grupo de enfermagem abriu a reunião com uma peça de teatro e a tarde seguiu com palestras a respeito do aleitamento. Além de receberem orientações a respeito do tema, as participantes aprenderam também sobre saúde mental, cuidado materno e nutrição do recém-nascido e ganharam brindes. 

A maioria das gestantes e puérperas que participaram são mulheres que fizeram ou fazem o acompanhamento pré-natal na unidade. Na quarta-feira (2) as ações seguiram nas Unidades Sebastiana de Souza, Nanci Terezinha e Carlos Jess (Caiçara), com oficinas diferenciadas sobre cuidados com recém-nascidos, focando principalmente na importância do aleitamento correto.

O encerramento das atividades será solenizado no dia 30 de agosto, 13h, no Teatro Municipal Heloína Ribeiro de Souza. Serão realizadas palestras e apresentações das ações que foram desenvolvidas durante o mês nas Unidades de Saúde.

Confira as fotos do primeiro dia de conscientização

Datas das próximas atividades


Aldeia 03 de agosto, às 14h
Walda Mallmann 03 de agosto, às 14h
São Cristóvão  04 de agosto, às 14h
Capoeira dos Dinos 04 de agosto, às 14h
Madre Teresa 04 de agosto, às 14h
Elfride Miguel 08 de agosto, às 14h
Macedo 11 de agosto, às 14h


Importância da amamentação*

O leite materno contém componentes e mecanismos capazes de proteger a criança de várias doenças. É um simbiótico: uma fonte natural de lactobacilos, bífidobactérias e oligossacarídios. Nenhum outro alimento oferece as características imunológicas do leite humano. A mãe fornece ao filho componentes protetores, através da placenta e do seu leite, enquanto o sistema de defesa do bebê amadurece.

*Fonte: Ministério da Saúde


Compartilhe seu conteúdo nas redes sociais: