INSTITUCIONAL - Publicado em: 22/11/2017

Marquinhos discute com o Secretário Estadual de Segurança a reabertura dos acessos ao Contorno Leste

Nesta terça feira (22) o Prefeito de Piraquara, Marcus Tesserolli, se reuniu com o Secretário de Estado da Segurança Pública e Administração Penitenciária, Wagner Mesquita. No encontro, em Curitiba, Marquinhos solicitou o auxílio do Governo do Estado para buscar uma solução e reabertura dos acessos à rodovia BR -116, no Contorno Leste, que também afetaram o Complexo Penitenciário.

O fechamento dos acessos afeta diariamente cerca de mil servidores do Departamento Penitenciário do Estado do Paraná, mais de dois mil visitantes durante os finais de semana, além do transporte de alimentação, acesso da Polícia Militar e ambulâncias. Por dia, são realizadas mais de 50 escoltas de presos, que também foram prejudicadas e agora passam pelo perímetro urbano de Piraquara.

De acordo com o Prefeito Marquinhos o município vai buscar todos os interessados para fundamentar e demonstrar a importância de regularização dos acessos. “Já estivemos na Polícia Rodoviária Federal, na Autopista Litoral Sul e agora na Secretaria de Segurança, pois todos vivem e conhecem o dia a dia da rodovia. Estamos buscando os interessados para juntos solucionarmos o problema”, destacou.

Mesquita reconheceu a necessidade dos acessos para o bom desenvolvimento dos serviços do Depen e do Batalhão de Polícia de Guarda – BPGd no Complexo Penitenciário. “Hoje o Governo do Estado não é parte legítima na causa, mas é uma parte extremamente interessada tendo em vista que o fechamento interfere na segurança pública. Estamos a disposição para ajudar e discutir com os demais interessados uma solução”, ressaltou.

Também participaram do encontro o Secretário de Infraestrutura e Serviços Urbanos, Girlei Eduardo de Lima, e o Superintendente Municipal de Trânsito, Rodrigo Biss.

Confira as fotos

Prefeitura é contra o fechamento

A jurisdição do Contorno Leste é do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes, mas o município não concorda com o fechamento dos acessos determinados pela justiça, tendo em vista que a medida afeta milhares de moradores, além de empresas que utilizam essas saídas diariamente. A Prefeitura de Piraquara não é parte na ação civil pública movida em 2004 pela Rede Brasileira Para Conservação dos Recursos Hídricos e Naturais Amigos da Águas -­ ADA contra o DNIT e agora busca alternativas cabíveis para viabilizar uma solução de acordo com os interesses da população e das empresas prejudicadas devido a falta de acessos ao contorno.

Encontro com Polícia Rodoviária Federal

No dia 09 de novembro o Prefeito de Piraquara, Marcus Tesserolli, o Marquinhos, se reuniu com o Superintendente Regional da Polícia Rodoviária Federal, Adriano Furtado. Na ocasião a PRF também se manifestou contraria aos fechamentos e se colocou a disposição para buscar uma solução em relação aos acessos.

Encontro na Autopitas Litoral Sul

No dia 16 de novembro, representantes da Prefeitura de Piraquara estiveram na empresa Autopista Litoral Sul em busca de possíveis soluções para os acessos. O município foi representado pelo Secretário de Infraestrutura e Serviços Urbanos, Girlei Eduardo de Lima, e pelo Procurador Geral, Igor Renato Lorenz Spinardi Pinto.

Na oportunidade eles conversaram com a Coordenadora de Faixa de Domínio, Leticia Salete Tessari, sobre a situação atual, os procedimentos para intervenções naquela região e as possibilidades para a criação de novos acessos.


Compartilhe seu conteúdo nas redes sociais: