Criado em 27/07/2020

Conselho Tutelar informa sobre atendimento durante a pandemia

Durante a pandemia do novo coronavírus o Conselho Tutelar de Piraquara realiza atendimento contínuo e ininterrupto, para a prevenção e combate a eventuais violações de direitos de crianças e adolescentes, ainda mais neste período, cujo convívio social, restringe-se ao âmbito familiar onde comprovadamente, ocorrem os maiores índices de violência. Os atendimentos presenciais estão sendo realizados em situações de urgência e emergência, mas preferencialmente com agendamento prévio, respeitando todas as normas de prevenção a COVID 19.

Os canais de atendimento do Conselho Tutelar de Piraquara são:

Telefone para agendamento: (41) 3590-3443 – Recepção

E-mail: conselho.tutelar@piraquara.pr.gov.br

Plantão 24h: (41) 98752-6195

SERVIÇO:

DISQUE 100 - Direitos Humanos

Os usuários poderão também acionar os serviços por meio do DISQUE 100 - Direitos Humanos - Serviço de proteção de crianças e adolescentes com foco em violência sexual. O funcionamento é realizado diariamente das 8h às 22h, inclusive nos fins de semana e feriados. As denúncias recebidas são analisadas e encaminhadas aos órgãos de proteção, defesa e responsabilização, de acordo com a competência e as atribuições específicas, priorizando o Conselho Tutelar como porta de entrada (nas situações de crianças e adolescentes), no prazo de 24 horas, mantendo em sigilo a identidade da pessoa denunciante.

DISQUE 181 – Disque Denúncia

O atendimento funciona 24 horas, todos os dias da semana. As denúncias podem ser realizados por telefone sem se identificar. As informações são encaminhadas para diferentes órgãos da Segurança Pública do Paraná e ajudam na prisão de criminosos, na apreensão de drogas, armas e contrabando, na busca por foragidos da Justiça e na localização de desaparecidos.

Em ambos os casos procure possuir o máximo de informações sobre o crime e pessoa denunciada. São importantes dados como nome, apelido, local e horário da ocorrência ou qualquer outro detalhe que possa observar.

Tags:atendimento, conselho tutelar
Compartilhe seu conteúdo nas redes sociais: